Empreendedorismo

O que é Design Funcional e Como Você Pode Aplicá-lo No Seu Projeto!

O que é Design Funcional e como você pode aplicá-lo no seu projeto

O que é Design Funcional e como você pode aplicá-lo no seu projeto

Você já deve ter visto nesses programas de televisão e canais no youtube várias dicas de como aproveitar melhor o espaço da sua casa utilizando móveis e decorações específicas, não é? Bom, essa é uma tendência muito forte no segmento da arquitetura e design de interiores e muito se deve aos apartamentos e casas pequenas e que necessitam de uma otimização do espaço disponível. Tendo isso em vista, vamos falar hoje sobre o que é o design funcional e como você pode aplicá-lo no seu projeto.

Aqui você encontrará os seguintes tópicos:

  • O que é o Design Funcional na Arquitetura
  • Design Funcional em Salas de Estar
  • Design Funcionar em Cozinhas
  • Design Funcional em Quartos

 

O que é o Design Funcional na Arquitetura

O Design Funcional é um conceito que está presente em diversos segmentos. Muito associado às interfaces de websites, à flyers e panfletos, ao design gráfico, ele está presente também na arquitetura e decoração de interiores. Como foi dito, os ambientes menores de casas e apartamentos não permitem que muitos móveis ou artigos decorativos se façam presentes.

Isso da forma tradicional, claro. O Design Funcional vem para quebrar esse paradigma, aliando os valores estéticos, que são importantíssimos, aos valores utilitários. Cada peça da decoração estará presente por um motivo, prezando pela otimização daquele espaço.

Existem algumas características que você pode esperar de um design funcional. A praticidade é a primeira delas,  visto que todos itens dispostos na decoração estarão ali para facilitar a utilização daquele espaço, sempre prezando também pela estética. Vamos abordar os cômodos específicos mais à frente e você entenderá melhor o funcionamento dessas ideias.

O design funcional organiza os objetos e móveis de maneira inteligente, privilegiando o espaço do ambiente e deixando-o mais fluido e fácil de se transitar. Além disso, vale mencionar também que muitos dos itens adotados na decoração nesse estilo possuem dupla funcionalidade, o que diminui também o número de coisas espalhadas pelos cômodos.

Agora que você entendeu um pouco mais sobre o design funcional e quais são as suas premissas, vamos à sua aplicabilidade dentro de um projeto! 

 

Design Funcional em Salas de Estar

É difícil falar que um ambiente é mais importante que outro dentro de uma casa, porque cada um possui a sua função específica e quem é dono sabe como é importante ter carinho por cada cantinho da casa. No entanto, as salas de estar são a apresentação das casas, o primeiro contato e, muitas vezes, um local de união para a família e amigos. Por isso, começamos com a sala.

Para quem planeja fazer uma reforma na casa, existem algumas possibilidades interessantes que podem ser adotadas. Existe uma vertente chamada parede funcional conhecida como nichos, em que é instalada uma espécie de estante e que pode ser até mesmo ser embutida na parede. Para aqueles que gostam de uma decoração um pouco mais rústica, os nichos de madeira podem agregar muito valor à decoração do ambiente.

Isso proporciona uma economia, já que as estantes tradicionais são grandes e ocupam um espaço que poderia ser utilizado para outros fins. Torna a decoração mais moderna, utilizando formas geométricas e traz uma harmonia para a decoração do espaço.

Se você utiliza a sala de estar como um local em que fica a televisão, para ver filmes, séries, o jornal da manhã antes do trabalho ou até mesmo aquele futebol de quarta à noite e domingo, tente aproveitar também o espaço das paredes, liberando mais espaços nos racks para que possam ser utilizado para outros fins. Os suportes amadeirados para pendurar a televisão também são bastante agregadores na decoração de um ambiente, aliando o moderno ao rústico e dando um toque de sofisticação.

Investir em compartimentos escondidos também é uma alternativa viável. Existem vários móveis planejados que escondem gavetas, sofás com compartimentos internos e até mesinhas em que é possível guardar itens.

O que é Design Funcional e como você pode aplicá-lo no seu projeto

O que é Design Funcional e como você pode aplicá-lo no seu projeto

Design Funcional em Cozinhas

Aos amantes da culinária, seja por hobby ou até mesmo pelo exercício da profissão, a cozinha é um dos cômodos mais frequentados da casa. E quem gosta de cozinhar também sabe que ter espaço para fazer tudo ao mesmo tempo é fundamental. Por isso, o design funcional nas cozinhas é um dos mais buscados.

Uma das opções que tem ganhado muita popularidade nos últimos anos é o cooktop. Em tradução livre, trata-se da junção das palavras cook, do verbo cozinhar, e top, de topo. Trata-se apenas da parte de cima do fogão, com a ausência do forno. Essa opção está se tornando viável em vista do espaço economizado com a ausência da estrutura completa do forno. Muitas pessoas não a utilizam, o que faz perder o sentido de tê-la em casa.

Atualmente, muitos condomínios possuem uma estrutura que contempla a disponibilização de gás encanado para todos os apartamentos e isso por si só já dispensa a utilização de um botijão próprio, economizando espaço. No entanto, para aqueles que não possuem, existe a possibilidade de um fogão elétrico à indução, que dispensa a utilização de gás. 

 

Design Funcional em Quartos

Por fim, o design funcional também se aplica aos quartos. Com a pandemia, muitas pessoas se viram na necessidade de ter um mini escritório dentro de casa ou apenas um cantinho para conseguir trabalhar. Para além desse contexto, muitas empresas começaram a adotar o homeoffice como algo permanente ou padrão, com a ida à empresa apenas em casos especiais ou extremamente necessárias.

Dessa forma, ter uma mesinha no quarto pode ser extremamente útil, visto que os quartos são ambientes de maior privacidade e que proporcionam maior tranquilidade e silêncio, propiciando o trabalho dentro de casa. Além disso, as mesinhas podem servir também para quem tem o costume de estudar em casa, valorizando ainda mais este item.

 

Gostou do nosso artigo? Confira outras publicações no nosso blog!